Hospital Regional de Marabá orienta sobre os cuidados com a saúde do coração

Neste Setembro Vermelho, hospital alerta sobre as doenças cardiovasculares

Os cuidados com a saúde coração são tão importantes que ganharam um mês dedicado aos cuidados preventivos. Trata-se da campanha Setembro Vermelho. Em Marabá, o Hospital Regional do Sudeste do Pará Dr. Geraldo Veloso (HRSP) realizou nesta sexta-feira (23) ações de prevenção às doenças cardiovasculares para conscientizar a população sobre o tema.

Segundo a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), as doenças cardiovasculares são a principal causa de morte no mundo. Estima-se que, anualmente, cerca de 17 milhões de pessoas morrem vítimas de problemas cardiológicos.

As ações de sensibilização da unidade, que pertence ao Governo do Pará e é gerenciada pela entidade Pró-Saúde, integra o projeto “Espera Humanizada”. Por meio da equipe multidisciplinar, a iniciativa dissemina informações sobre assuntos relacionados à saúde e bem-estar, para usuários que aguardam atendimento e colaboradores que atuam nas recepções.

Durante a atividade, foram realizadas palestras educativas, distribuição de material informativo e orientações básicas com dicas para a saúde cardiovascular.

“Repassamos informações importantes sobre prevenção, como ter um estilo de vida saudável, seguir uma dieta balanceada, evitar fumar e ingerir bebidas alcoólicas, não usar drogas e sempre praticar atividades físicas”, explicou a enfermeira Crisila Reis.

A profissional ressaltou que a iniciativa teve apoio dos acadêmicos de medicina da liga de cardiologia da Universidade Estadual do Pará (Uepa). Os estudantes fazem estágio na unidade.

A aposentada Raimunda Silva, de 65 anos, estava no hospital para uma consulta ortopédica e recebeu orientações.

“O coração é um órgão importante do nosso corpo. Desde a juventude, sempre tive a preocupação de ter uma alimentação saudável, praticava atividades físicas. Todos nós devemos buscar sempre a prevenção, mesmo na correria do dia a dia, para evitar problemas mais graves”, ressaltou.

David José Tozetto, cardiologista da Pró-Saúde que atua no Regional de Marabá, alertou que os cuidados com o coração devem ser redobrados em mulheres acima dos 55 anos e em homens com mais de 45 anos.

“Esse cuidado merece ainda mais atenção em pessoas que possuem histórico de doenças cardiovasculares na família. A melhor atitude é cuidar da saúde muito antes de atingir essa idade ou seguir as dicas que podem ajudar na prevenção”, recomendou o doutor Tozetto.

Confira seis dicas de prevenção

• Controle o peso: estar acima do peso pode desencadear doenças cardiovasculares, como hipertensão e colesterol alto;
• Evite o cigarro: o tabagismo contribui para o estreitamento das artérias e para a elevação da pressão arterial;
• Faça atividades físicas: exercícios aeróbicos são os mais indicados, como corrida, caminhada, ciclismo, natação e dança. Consulte um médico para orientações sobre a atividade adequada;
• Evite o consumo de bebidas alcoólicas: a ingestão causa danos às células do coração e aumenta as chances para doenças como o infarto e insuficiência cardíaca;
• Faça a ingestão de alimentos saudáveis: priorize alimentos naturais, frutas, legumes, verduras, entre outros. Evite produtos industrializados e alimentos ricos em gordura. Consuma sal com moderação, pois ele eleva a pressão arterial;
• Faça o check-up: consulte um médico regularmente e realize os exames de rotina.

O Hospital Regional do Sudeste do Pará presta atendimento 100% gratuito pelo SUS (Sistema Único de Saúde), e é referência para mais de 1 milhão de pessoas em 22 municípios da região.