Regional de Marabá realizou mais de 5 mil exames em novo equipamento de ressonância magnética

O aparelho, em funcionamento desde outubro passado, foi instalado para otimizar e melhorar o atendimento à população paraense

O Hospital Regional do Sudeste do Pará – Dr. Geraldo Veloso (HRSP), em Marabá, realizou nos últimos 10 meses, com o novo equipamento de ressonância magnética, mais de 5,4 mil exames, que auxiliaram o diagnóstico de diversos pacientes da região.

Em funcionamento desde outubro de 2021 na unidade, que pertence ao Governo do Estado, o aparelho foi instalado para otimizar e melhorar o atendimento à população, realizando exames eletivos e de urgência e emergência. Em pleno funcionamento, o equipamento tem capacidade para realizar até 600 exames por mês.

Ivanir Campos, moradora da Vila Santa Fé, no município de Marabá, realizou o exame de ressonância na unidade, após um acidente de trânsito com moto, onde lesionou o quadril.

“Depois do acidente comecei a sentir fortes dores no quadril e, para o diagnóstico, o médico solicitou o exame de ressonância. Estava ansiosa, mas tudo correu muito bem. Fico feliz por ter realizado, gratuitamente, esse procedimento aqui na minha cidade”, declara a paciente.

Raphael Castro, supervisor de radiologia do HRSP, explica que a ressonância cria imagens de altíssima definição dos órgãos internos, permitindo maior precisão no diagnóstico de doenças neurológicas, ortopédicas, abdominais, cervicais, cardíacas, dentre outras.

“A ressonância hoje é um método de diagnóstico por imagem, que contribui muito para a conduta médica, sendo um grande aliado para o tratamento mais efetivo contra diversas doenças”, pontua.

O profissional ressalta ainda que a duração de um exame de ressonância pode variar de 15 a 60 minutos, de acordo com as condições clínicas dos pacientes, as áreas a serem estudadas e as sequências necessárias para o correto diagnóstico.

Valdemir Giratto, diretor Hospitalar do HRSP, destaca que o novo equipamento do Regional possui dispositivos para execução de um amplo volume de protocolos, que permite aos pacientes realizar um maior número de procedimentos em um mesmo local.

“Versátil, o nosso aparelho é um dos mais modernos do país, e trouxe um atendimento mais humanizado para nossos usuários, oferecendo mais conforto, rapidez, qualidade e segurança na realização dos exames”, ressalta o gestor.

O Hospital Regional do Sudeste do Pará é gerenciado pela Pró-Saúde e atua como referência para mais de 1 milhão de pessoas de 22 municípios da região de Marabá, prestando atendimento 100% gratuito pelo SUS (Sistema Único de Saúde).