Novos equipamentos do Hospital Regional de Marabá auxiliam no diagnóstico e tratamento de doenças

Júlio Cezar Gonçalves, de 29 anos, foi submetido a exames de imagem no novo equipamento de ressonância magnética do Hospital Regional do Sudeste do Pará – Dr.Geraldo Veloso (HRSP), em Marabá.

O morador de Bom Jesus do Tocantins precisou fazer um exame detalhado de ressonância de abdômen na unidade, que irá auxiliar no seu tratamento e diagnóstico mais preciso.

“O procedimento foi rápido, indolor e acolhedor, esse exame realizado em Marabá de forma gratuita, vai beneficiar muitas pessoas que teriam que se deslocar até um grande centro”, comentou.

A unidade que pertence ao Governo do Pará e é gerenciada pela Pró-Saúde, tem recebido equipamentos de diagnósticos de última geração da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa). Em outubro de 2021, recebeu o aparelho de ressonância magnética e em abril deste ano, o de hemodinâmica.

Valdemir Giratto, diretor Hospitalar do HRSP, explica que o equipamento de ressonância magnética, que entrou em funcionamento em novembro do ano passado, é um dos mais modernos do país, com investimento de R$ 5 milhões de reais, tem a capacidade para realizar até 600 exames por mês.

“De janeiro a abril deste ano, já realizamos quase 3 mil exames de ressonância. Esse novo equipamento trouxe muito mais conforto e segurança aos nossos pacientes e colaboradores”, ressaltou.

Segundo Paula Rafaela, coordenadora do centro de diagnósticos do HRSP, os exames de imagem são procedimentos bem requisitados pelo corpo clínico da instituição e serve para observar partes internas do organismo, auxiliando no diagnóstico de doenças.

“Esses exames são fundamentais, para dar apoio e embasamento ao diagnóstico do médico, permitindo que ele chegue a uma conclusão completa e mais precisa, indicando o tratamento ideal para cada caso”, disse.

A profissional ressaltou que, de janeiro a abril de 2022, o centro de diagnóstico por imagens da unidade contabilizou 13.234 mil exames de raio-x, ressonância, tomografia, endoscopia e ultrassom.

Hemodinâmica

No mês de junho também entrará em funcionamento o aparelho de Hemodinâmica do Regional de Marabá. O equipamento permite a obtenção simultânea de imagens em alta resolução e em vários ângulos, e será fundamental para procedimentos cirúrgicos na unidade.

A implantação corresponde a mais de R$7 milhões, investimento direto do Governo do Pará por meio da SESPA, que irá beneficiar pacientes que necessitam de intervenções cirúrgicas cardiológicas, como cateterismo, implantes de marca passo, entre outros.

“Já estamos nos ajustes finais para a realização de um sonho da sociedade regional. A iniciativa faz parte das ações de modernização do hospital, que é referência para mais de um milhão de habitantes de 22 municípios”, explicou o diretor hospitalar Valdemir Girato.

O Hospital Regional do Sudeste do Pará realizou em 2021, cerca de 35 mil exames de diagnósticos por imagem e presta atendimento 100% gratuito pelo Sistema Único de Saúde (SUS).