Cardápio de verão: Conheça o suco do bronzeado e dicas de alimentação saudável

“Não são apenas as roupas que devem ser mais leves durante a estação mais quente do ano, mas a alimentação também”, comenta Marina Milhomem, nutricionista da Pró-Saúde e com atuação no Hospital Regional do Sudeste do Pará Dr. Geraldo Veloso (HRSP), em Marabá.

A profissional ressalta que durante o verão é importante observar alguns cuidados para não comprometer a saúde, principalmente com a hidratação durante o calor. “Além das máscaras, álcool em gel e evitar aglomerações, existe uma atenção especial com a higienização dos alimentos para combater a contaminação pela Covid-19”, explica.

Segundo a nutricionista, com a flexibilização das medidas de restrição no controle do novo coronavírus, as praias voltam a ser o local preferido de muitas pessoas em busca de lazer.

“Além do cuidado com a higiene dos alimentos, é importante manter atenção com a hidratação, dando preferência aos alimentos leves e in natura. Esse hábito se torna essencial para garantir uma alimentação balanceada e nutritiva durante o verão”, ressalta.

Marina ainda explica que nesse período muitas pessoas querem aproveitar “para pegar um bronzeamento, mas esquecem ou desconhecem que uma boa alimentação, rica em betacaroteno, pode ajudar na produção de melanina”.

O betacaroteno é um carotenoide, ou seja, pigmentos naturais e que são encontrados em algumas frutas e legumes. Durante o consumo, o betacaroteno é convertido em vitamina A (retinol) e pode até agir como um antioxidante.

“O betacaroteno está presente em frutas, legumes e verduras de coloração amarela, alaranjada e verde-escura, como manga, cenoura, laranja, brócolis, couve, rúcula e outros. A melhor forma de consumir esses alimentos e com sucos refrescantes”, ressalta a nutricionista.

Marina ainda indica uma receita saudável para ajudar no bronzeado daqueles que pretendem ir à praia. “Pegue meia cenoura, o suco de duas laranjas, duas fatias de manga e uma fatia de gengibre. Coloque tudo no liquidificador e bata os ingredientes juntos. Beba logo em seguida”.

O Regional do Sudeste do Pará é uma unidade do Governo do Pará, sendo gerenciado pela Pró-Saúde desde 2006. O hospital presta atendimento 100% pelo SUS (Sistema Único de Saúde), sendo referência para mais de 1 milhão de pessoas na região onde está inserido.

Dicas de alimentação durante o verão

– Quais alimentos evitar?

Evite alimentos não refrigerados, especialmente na praia, principalmente por ficarem muito tempo fora do ambiente de refrigeração como queijos, camarão e sanduíches. Modere o consumo da bebida alcoólica, pois além de serem ricas em calorias, possuem efeito diurético, comprometendo assim a hidratação e são pobres em valor nutritivo.

– Qual o melhor alimento para consumir na praia?

As frutas cítricas e tropicais, chás gelados, água de coco e sucos naturais produzidos em casa, de preferência sem açúcar são as melhores opções. Sanduíches naturais com pão de forma integral ou pão sírio integral, barra de cereal caseiras e cookies integrais também são boas opções.

– E para as crianças, quais os alimentos mais indicados?

No caso das crianças o importante é garantir que as crianças consumam alimentos leves e nutritivos com cardápios saudáveis. Entre as opções estão as frutas ou doces a base de frutas, sorvetes de fruta no palito, salada de frutas, gelatinas e vitaminas de frutas.

– Quais as carnes mais indicadas?

Carnes brancas e cortes de carne bovina magra, grelhados, cozidos e assados são as mais indicadas. Evite frituras, que não combinam com o clima quente do verão e são extremamente calóricas.