Hospital Regional promove 37ª Campanha de doação de sangue em Marabá.

Com o slogan “Você ainda tem tempo para salvar vidas”, o Hospital Regional do Sudeste do Pará Dr. Geraldo Veloso (HRSP), em Marabá (PA), gerenciado pela Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar, mobiliza a partir dessa segunda-feira (21), a sua rede de voluntários para participar da 37ª Campanha de Doação de Sangue.

A campanha será realizada ao longo desta semana com coletas sendo realizadas no Fundação Centro de Hemoterapia e Hematologia do Pará (Hemopa). Já nesta terça-feira (22) será disponibilizado o posto volante do Hemopa dentro do HRSP. Responsável pela ação, colaboradores da Agência Transfusional do Hospital, percorrerá os espaços para esclarecer as principais dúvidas sobre o assunto e mostrar os benefícios da doação a partir de histórias de quem sobreviveu graças à solidariedade de voluntários.

Referência em atendimento de média e alta complexidades, o Hospital é quem recebe a maioria das bolsas coletadas pelo Hemopa. Isso se deve, principalmente, ao atendimento às vítimas de acidente de trânsito, ao volume de cirurgias realizadas e à constante necessidade de transfusão em recém-nascidos internados na Unidade de Terapia Intensiva Neonatal.

De acordo com o biomédico do HRSP, Gustavo Ramos, boa parte da população ainda resiste em doar sangue devido à falta de informação. Mesmo com constantes campanhas de conscientização, ainda há quem pense que a doação afina ou engrossa o sangue, ou ainda, que vicia e deixa o voluntário suscetível a doenças transmissíveis pelo sangue.

“Quando fazemos as mobilizações, percebemos que é grande a desinformação da sociedade quanto aos benefícios da doação de sangue. Infelizmente, há muita gente que deixa de ajudar porque acha que a doação traz riscos para a saúde do doador, mas não é verdade. O procedimento é seguro, obedece a uma série de rigorosos protocolos que garantem a segurança desde a coleta do sangue até a transfusão no receptor. Além disso, o processo é acompanhado do início ao fim por profissionais capacitados e, em poucos dias, o próprio organismo se encarrega de repor a quantidade de sangue doada”, explicou o biomédico.

Postos de Coleta

Para participar da campanha, os voluntários devem comparecer a um dos dois postos de coleta: no Hemopa, de segunda à sexta-feira, das 7h às 12:30h, ou no Hospital Regional, na terça-feira, das 8h às 16:30h. É preciso estar bem de saúde e alimentado, pesar ao menos 50 quilos, ter entre 16 e 69 anos e apresentar um documento oficial com foto. No caso de menores de idade, é necessária a autorização dos pais ou dos responsáveis legais.

Médica Drª Socorro Leão e Biomédico Gustavo Ramos, responsáveis pela Campanha de doação de Sangue no HRSP

Doadores no HRSP

Sobre a Unidade

Referência em atendimento de média e alta complexidades para 22 municípios paraenses, o Hospital Regional do Sudeste do Pará Dr. Geraldo Veloso (HRSP) tem 115 leitos, sendo 77 de Unidades de Internação e 38 de Unidades de Terapia Intensiva. Possui perfil cirúrgico e habilitação em Traumato-ortopedia pelo Ministério da Saúde, oferecendo atendimento gratuito nas especialidades de Cardiologia, Cirurgia Buco-maxilo-facial, Cirurgia Plástica Reparadora, Cirurgia Pediátrica, Cirurgia Geral, Cirurgia Vascular, Clínica Médica, Fisioterapia, Infectologia, Medicina Intensiva adulto, pediátrica e neonatal, Nutrição, Obstetrícia de Alto Risco, Oftalmologia, Otorrinolaringologia, Urologia, Neurocirurgia, Terapia Ocupacional, Traumato-ortopedia, Nefrologia e Anestesiologia.

Sobre a Pró-Saúde

A Pró-Saúde é uma entidade filantrópica que realiza a gestão de serviços de saúde e administração hospitalar há mais de 50 anos. Seu trabalho de inteligência visa a promoção da qualidade, humanização e sustentabilidade. Com 16 mil colaboradores e mais de 1 milhão de pacientes atendidos por mês, é uma das maiores do mercado em que atua no Brasil. Atualmente, realiza a gestão de unidades de saúde presentes em 23 cidades de 11 Estados brasileiros — a maioria no âmbito do SUS (Sistema Único de Saúde). Atua amparada por seus princípios organizacionais, governança corporativa, política de integridade e valores cristãos.

A criação da Pró-Saúde fez parte de um movimento que estava à frente de seu tempo: a profissionalização da ação beneficente na saúde, um passo necessário para a melhoria da qualidade do atendimento aos pacientes que não podiam pagar pelo serviço. O padre Niversindo Antônio Cherubin, defensor da gestão profissional da saúde e também pioneiro na criação de cursos de Administração Hospitalar no País, foi o primeiro presidente da instituição.