Pró-Saúde abre processo seletivo para o Hospital Regional de Marabá

A Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar oferece cinco vagas no Hospital Regional do Sudeste do Pará – Dr. Geraldo Veloso (HRSP), em Marabá (PA). São elas: enfermeiro (a), técnico (a) de Enfermagem, digitador (a), técnico (a) e analista de Laboratório. Os interessados devem enviar o currículo até o dia 30/1 para o e-mail recrutamento@hrspprosaude.org.br, com o nome do cargo desejado no assunto da mensagem. Também é possível se cadastrar no site prosaude.org.br/trabalheconosco. A entidade oferece ainda oportunidades para pessoas com deficiência (PCD).

Para três vagas é necessário ter Ensino Médio Completo: digitador(a), técnico(a) de Enfermagem e técnico(a) de Laboratório. Nestas duas últimas, os candidatos também devem possuir curso técnico.

Já para as vagas de enfermeiro (a) e analista de Laboratório, é necessário ter Ensino Superior Completo e registro no Conselho Regional de Classe.

Quem for contratado para a vaga de enfermeiro, deverá organizar a operacionalização do serviço de Enfermagem e fornecer assistência aos técnicos da área; realizar os procedimentos de maior complexidade, bem como atuar como facilitador de todos os processos que envolvem o atendimento ao cliente; controlar e analisar indicadores da área; executar as normas técnicas e de rotinas assistenciais estabelecidas; manter e controlar os medicamentos da Unidade; realizar orientações de alta aos pacientes; distribuir pacientes de acordo com o grau de dependência e atividade da equipe; ministrar treinamentos quando necessário; manter controle de salas equipamentos e leitos disponíveis; avaliar regularmente o desempenho individual e coletivo das equipes.

O técnico de Enfermagem irá realizar procedimentos e assistência de Enfermagem a pacientes; realizar as anotações de Enfermagem em prontuário, garantindo a segurança, qualidade e a continuidade do tratamento; elaborar as estatísticas básicas, pertinente ao setor; manter organização do setor e murais de controle de infecção hospitalar; realizar busca ativa diária em prontuário e discussão de caso com o enfermeiro responsável; coletar, armazenar, compilar e divulgar dados referentes à infecção hospitalar; e realizar, quando necessário, esclarecimento aos pacientes e/ou acompanhantes familiares quanto às atividades exercidas.

O técnico (a) de Laboratório será responsável por proceder a realização de exames laboratoriais, conforme orientação; preparar amostras, lâminas microscópicas, meios de cultura, soluções, testes químicos e reativos; realizar triagem das amostras; realizar liberação de hemocomponentes para as Unidades; solicitar materiais de uso, quando necessário; observar a validade dos reagentes utilizados no setor; analisar material biológico de pacientes; repassar para o superior as não-conformidades; limpar, organizar e conservar os equipamentos, bancadas e armários, visando facilitar o bom desempenho das atividades; auxiliar a análise e interpretação de informações obtidas de medições, determinações, identificações, conforme orientação; interpretar resultados dos exames, ensaios e testes, conforme orientação, encaminhando-os para a elaboração de laudos, quando necessário; e auxiliar a confecção de laudos, relatórios técnicos e estatísticos.

A vaga de digitador (a) exige Ensino Médio Completo, conhecimento do pacote Office e digitação avançada. É desejável ter experiência na área. Entre as principais atividades que serão executadas estão: planejar, organizar e cumprir as atividades; digitar os laudos dos exames de imagem, sejam eles escritos ou ditados pelo médico; corrigir eventuais erros na digitação dos laudos; gerar dados de produção na digitação de laudos; e auxiliar a supervisão nas atividades relacionadas à digitação de relatórios e laudos.

O analista de Laboratório deve possuir Ensino Superior Completo em Biomedicina ou Farmácia Bioquímica, registro no Conselho Regional de Classe, experiência na área, conhecimento intermediário do pacote Office e conhecimentos de gestão hospitalar. O profissional irá coletar material e utilizar instrumentos necessários para possibilitar os exames; manipular substâncias químicas; realizar exames dos tipos pré-estabelecidos pelo gestor; conferir os aparelhos automatizados; assessorar o gestor e reportar ao mesmo questões pertinentes; registrar e solucionar as ocorrências; elaborar junto ao superior as atividades da equipe; e auxiliar e desenvolver as atividades administrativas.

O HRSP também recebe currículos de pessoas com deficiência (PCD) para diferentes áreas de atuação. Referência em atendimento de média e alta complexidades, o Hospital Regional do Sudeste do Pará possui 115 leitos, sendo 77 de Unidades de Internação e 38 de Unidades de Terapia Intensiva (UTI). Abrange uma população superior a 1 milhão de habitantes em 22 municípios paraenses.

Com perfil cirúrgico e habilitação em Traumato-Ortopedia pelo Ministério da Saúde, a Instituição oferece atendimento gratuito nas especialidades de Cardiologia, Cirurgia Buco-maxilo-facial,Cirurgia Plástica Reparadora, Cirurgia Pediátrica, Cirurgia Geral, Cirurgia Vascular, Clínica Médica, Fisioterapia, Infectologia, Medicina Intensiva adulto, pediátrica e neonatal, Nutrição, Obstetrícia de Alto Risco, Oftalmologia, Otorrinolaringologia, Urologia, Neurocirurgia, Terapia Ocupacional, Nefrologia e Anestesiologia.

Em 2018, a Unidade realizou 530.302 atendimentos, entre consultas especializadas, exames de imagem e análises clínicas, cirurgias, internações e atendimentos multiprofissionais.